Doe amor e não Sífilis


A Prefeitura de Mesquita, através da Vigilância Epidemiológica e do Programa DST/Aids, da Secretaria de Saúde, realiza entre os dias 7 e 16 de maio a campanha “Passe Amor e Não Sífilis” para chamar a atenção sobre os casos de sífilis congênita no município. O mês de maio foi escolhido pela Secretaria Municipal de Saúde (SEMUS) por ser o período de comemoração do Dia das Mães, e assim, alertar sobre o tratamento e evitar a transmissão da doença da mãe para o bebê durante a gestação e o parto. Diversas ações serão realizadas pela SEMUS nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) e Estratégia de saúde da Família (ESF), através da busca ativa das gestantes, teste rápido em todas unidades de saúde durante a campanha, distribuição de preservativos, além de visitas e palestras para gestantes e seus parceiros. O trabalho também será realizado com mulheres cadastradas no Programa Bolsa Família. A programação acontece sempre de 9h às 12h. A abertura (7) será na UBS Nossa Senhora das Graças, em Santa Terezinha, e na ESF Valter Borges, na Chatuba. Dia 8, na UBS Alto Uruguai e no Centro Médico de Saúde (CMS) Paraná, na Coreia. Dia 9, escolhido como o Dia D de Combate a Sífilis Congênita Municipal, a atividade será realizada na Praça Elizabeth Paixão, no Centro, além da ESF Caixa D’Água e nas UBS’s Edson Passos, Juscelino e Vila Norma. Dia 10 será nas UBSs BNH e Banco de Areia. No dia 11 na UBS Santa Terezinha. Dia 15 na ESF Santo Elias e fechando a programação, dia 16 na ESF Campo do América. Três palestras serão desenvolvidas durante a semana. Uma no dia 10, no CMS Paraná e outra no dia 11, no Centro Especializado de Atendimento a Criança e a Mulher (CEMCAM), que fica na Rua José Ricardo Rosa, 676, Santa Terezinha. O principal objetivo da campanha é prevenir, diagnosticar e tratar a doença. O secretário da SEMUS, Emerson Trindade, faz um alerta ao afirmar que a sífilis virou uma epidemia e que os casos estão avançando entre a população jovem brasileira. “O Ministério da Saúde orientou que todos os estados realizassem ações para reverter esse quadro. Mesquita também tem registrado muitos casos de sífilis e estamos trabalhando para combatermos a doença na cidade”, conclui. A sífilis é uma doença sexualmente transmissível, causada por uma bactéria. A pessoa pode contrair e demorar anos para que se manifeste. Entre os sintomas, se destacam o aparecimento de ferida indolor, que evoluem para machas avermelhadas na pele e, em casos mais graves, pode atingir o sistema nervoso, coração e ossos. Nas gestantes, caso seja transmitida para os bebês, pode provocar aborto, má formação, surdez e até a morte.


6 visualizações

Quem somos

O Estúdio de Criação  foi criado como micro empreendedorismo Individual - MEI em 2010 número:  12.649.813/0001-96 tendo como diretora executiva a jornalista e radialista Dine Estela que atua neste mercado há mais de 20 anos.  

 

                                                                                         Canal de Notícias

           “MINHA BAIXADA”

Este é um dos canais de divulgação próprios da empresa “Estúdio de Criação -  MINHA BAIXADA” que consiste na produção de um site atualizado diariamente com notícias de toda a Baixada Fluminense. O site conta ainda, com colunistas que falam sobre diversos temas e ainda uma  TV WEB com matérias em vídeo, além da produção de um jornal mensal, formato tablóide estendido (tabloide americano)  com tiragem de 25 mil exemplares e distribuição gratuita em toda Baixada Fluminense e Região Metropolitana do Rio de Janeiro.

Diretora presidente: 

Dine Estela (jornalista responsável)

Diretor Comercial:

Fabrícius Custódio Caravana

(advogado)

Colaboradores:

Claudia Maria (jornalista)

Paula Menezes 

Alex  Soares

Professor Jorge Dahl

Leandro  Batista

Sheila Firmino

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
             SIGA-NOS
Contato
minhabaixada@gmail.com
21970387270 
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now