Roda de samba pode salvar uma vida


Após três anos sem realizar uma roda de samba, o grupo Samba Clube retoma suas atividades por uma nobre causa. Ajudar um amigo a se curar de leucemia. Eles vão realizar um show no próximo dia 9 de dezembro no Recantu's Casa de festas. “ Vamos ajudar a um amigo que foi surpreendido por uma leucemia e está precisando muito de ajuda. Quero convocar a toda família samba clube nessa corrente positiva para estarmos ajudando ao nosso amigo Leonardo Pontes neste momento difícil que está enfrentando. Toda arrecadação será doada para ajudar a custear o tratamento”, destacou Giovani Brito idealizador da Feijoada Samba Clube que acontecia todo mês na Recantu's. 

Leonardo recebeu a notícia deste evento no hospital e ficou muito emocionado. "Eu conheci o Giovani na academia de ginástica e nem temos tanta ligação mas ele se solidarizou com a minha dor. Eu estou sem emprego e não tenho nem como custear despesas básicas", destacou.  Como Leonardo descobriu a doença

Leonardo sempre foi uma pessoa ativa, saudável, praticava atividades físicas, estava sempre em busca de aventuras até que em 20 de setembro de 2018 foi internado no Hospital Federal do Andarai, com a suspeita de Leucemia. Lá ele foi medicado, recebeu transfusão de sangue e bolsas de soro, mas o hospital não possuía recursos para realizar a biópsia que iria diagnosticar a sua doença. Depois de muita luta, os parentes conseguiram que ele fosse transferido para o Hospital Federal da Lagoa onde está internado atualmente há 43 dias. Lá ele recebeu o diagnóstico de Leucemia Aguda, iniciou o processo de quimioterapia e está reagindo muito bem ao tratamento, está sendo forte e apresentando um grande progresso. Mas se sabe por quanto tempo ele ficará internado ao certo e ele ainda não conseguiu o auxílio do INSS. A familia então teve a ideia de criar a vakinha online. “Por isso estamos aqui pedindo a colaboração e a ajuda de todos (não importa o valor) para auxiliar nos custos e despesas que estamos tendo no momento, como por exemplo as passagens para os acompanhantes que revezam para ficar com ele no hospital (R$16,30 por dia), alimentação, algumas coisas que precisamos comprar para ele toda semana ( kits de higiene pessoal, alimentação que levamos para ele no hospital, contas pessoais que ele tem para pagar todo mês e entre outras coisas)”, relatou Beatriz Pontes. A vaquinha online já conta com R$ 1.225,00 mas precisa arrecadar pelo menos R$ 5 mil. As pessoas podem ajudar através do link 

https://www.vakinha.com.br/vaquinha/ajude-leonardo-na-sua-luta-contra-a-leucemia?utm_campaign=whatsapp&utm_content=394746&utm_medium=website&utm_source=social-shares Doação de sangue será fundamental para o tratamento Leonardo tem apelado em suas redes sociais para que os amigos façam doação de sangue para o seu tratamento. Esse processo é fundamental para garantir uma sobrevida ao paciente. O sangue é um tecido líquido e fundamental para a vida humana. Transporta nutrientes essenciais para todos os órgãos do corpo. Grande parte do seu volume é constituído por células, como as hemácias (glóbulos vermelhos), os leucócitos (glóbulos brancos) e as plaquetas, responsáveis por estancar hemorragias. Ele é produzido na medula óssea dos ossos chatos, que são: o esterno, as vértebras, a bacia e o crânio. Nas crianças, também é produzido nos ossos longos, como o fêmur. Pacientes com câncer, linfomas, mielomas e leucemia perdem, temporariamente, a capacidade de produzir as células do sangue, devido aos tratamentos, ou, pela própria doença. A transfusão, que é o processo de transferência de sangue de uma pessoa para o sistema circulatório de outra, supre essa redução, até esta capacidade do corpo se recuperar. Quem puder realizar a doação deverá procurar a Hemorio. Para doar não precisa jejum. Só deve evitar gordura leite manteiga. “Sangue é vida Salvem a minha❤” apela Léo. ONDE DOAR - - - - - - - - - - - - - - - - O HEMORIO localiza-se na Rua Frei Caneca, 8, Centro - Rio de Janeiro Horário de funcionamento: todos os dias de semana, de 7 às 18 horas, inclusive finais de semana e feriados. Por questões de segurança, não será permitida a doação de sangue do doador acompanhado de menor de 12 anos. Como chegar ao HEMORIO: ( Mapa do Hemorio) MEIOS DE TRANSPORTE Metrô: Estação Central Linhas de ônibus que passam pela Praça da República (descer em frente ao Hospital Souza Aguiar) e Av. Presidente Vargas (descer na altura da Central do Brasil). 


16 visualizações0 comentário