Em Mesquita, merenda escolar terá produtos de agricultores familiares da cidade


Dez agricultores familiares de Mesquita foram selecionados para fornecer produtos agrícolas para a rede municipal de ensino da cidade. Para participar da seleção, os empreendedores rurais se inscreveram no processo de chamamento público e seguiram os parâmetros definidos no Edital nº004/2018, da Secretaria Municipal de Educação (SEMED), criado para que os agricultores pudessem atender ao Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE).

Os critérios de avaliação foram divididos em nove etapas. Entre elas, a declaração dos gêneros alimentícios e a amostra dos produtos, onde os fornecedores classificados em primeiro lugar tiveram que entregar o que produzem pra testes em que eram verificados se estavam aprovados para o consumo. Para João Teixeira, 73 anos, agricultor há mais de 50 anos, o benefício foi de extrema importância para continuação do seu trabalho e contribuição da renda junto à sua família. “Acho que foi um benefício que veio na hora certa, por que seria difícil continuar com a nossa agricultura”, comenta.

O PNAE é um programa socioeducacional criado pelo Decreto nº 37.106, de 31/03/1955. Em 1997, ele foi incorporado ao Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), que é uma autarquia vinculada ao Ministério da Educação (MEC), responsável pela normatização, assistência financeira, coordenação, acompanhamento, monitoramento e fiscalização da execução do PNAE. Hoje em dia, o programa funciona por meio da transferência de recursos do governo federal às entidades executoras (Distrito Federal, estados e municípios), para aquisição de gêneros alimentícios destinados à merenda escolar, de forma a fornecer no mínimo 15% das necessidades diárias de nutrientes a alunos do ensino infantil e fundamental e 30% dessas a alunos de creches, escolas indígenas e escolas em áreas remanescentes de quilombos.

Segundo o MEC, o valor nutricional da merenda escolar contribui para o crescimento, desenvolvimento, aprendizagem, rendimento escolar e a formação de hábitos alimentares saudáveis, por meio da oferta de refeições e de ações de educação alimentar.

Seu Jair Diniz, de 65 anos, outro dos agricultores familiares de Mesquita selecionados, falou sobre a felicidade de oferecer produtos livres de agrotóxicos para suas netas e todos os outros alunos que estudam na E. M. Expedito Miguel, na Vila Emil. “Eu cultivo aipim, batata doce, maçã, acerola há 10 anos. Estou feliz em poder ajudar as escolas a dar uma alimentação de qualidade para as nossas crianças. Depois que saiu o resultado, contei paras minhas netinhas, Mirela (7) e Isabela (9) que a partir de agora elas vão comer a merenda feita com o que o avô dela cultiva. É muita alegria”, comemorou.

O secretário municipal de Trabalho, Desenvolvimento Econômico e Agricultura de Mesquita, Janyr Menezes, destacou a relevância de incentivar a agricultura familiar no município. “Além de atender o que determina a legislação, nós contribuímos para que as famílias possam difundir mais os seus produtos dentro de Mesquita e ficamos muito felizes por estarmos cumprindo com o nosso dever”, disse o secretário.

Foto: Valeria Gouveia

#mesquita #merenda #agricultoresmesquita

4 visualizações

Quem somos

O Estúdio de Criação  foi criado como micro empreendedorismo Individual - MEI em 2010 número:  12.649.813/0001-96 tendo como diretora executiva a jornalista e radialista Dine Estela que atua neste mercado há mais de 20 anos.  

 

                                                                                         Canal de Notícias

           “MINHA BAIXADA”

Este é um dos canais de divulgação próprios da empresa “Estúdio de Criação -  MINHA BAIXADA” que consiste na produção de um site atualizado diariamente com notícias de toda a Baixada Fluminense. O site conta ainda, com colunistas que falam sobre diversos temas e ainda uma  TV WEB com matérias em vídeo, além da produção de um jornal mensal, formato tablóide estendido (tabloide americano)  com tiragem de 25 mil exemplares e distribuição gratuita em toda Baixada Fluminense e Região Metropolitana do Rio de Janeiro.

Diretora presidente: 

Dine Estela (jornalista responsável)

Diretor Comercial:

Fabrícius Custódio Caravana

(advogado)

Colaboradores:

Claudia Maria (jornalista)

Paula Menezes 

Alex  Soares

Professor Jorge Dahl

Leandro  Batista

Sheila Firmino

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
             SIGA-NOS
Contato
minhabaixada@gmail.com
21970387270 
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now