Caravana do Trabalho seleciona professores e monitores em  Queimados


A Previsão é que mais de 300 vagas sejam abertas até o fim do mês para os cursos de Assistente Administrativo, Turismo e Hotelaria, Recepção do Cliente e Telemarketing 

Para quem está à procura de um emprego ou qualificação profissional neste fim de ano, uma boa oportunidade. O município de Queimados foi contemplado com o projeto Caravana do Trabalho, que está com vagas abertas para professores e o monitores. Desenvolvido pelo governo federal, o programa itinerante de qualificação social e profissional para a juventude irá contratar professores de Língua Portuguesa, Matemática, Informática e Trabalho e Cidadania para ministrar 80 horas do módulo básico dos cursos, enquanto os monitores atuarão 20h semanais. As inscrições serão pelo portal www.solazer.org.br e o prazo final das inscrições é dia 26/11. O projeto, que chegou ao município por meio de uma parceria entre a Secretaria Municipal de Trabalho, Emprego e Renda, o Ministério do Trabalho e a Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO), está oferecendo ao todo 24 vagas, sendo 6 para início imediato e 18 para cadastro reserva. Ao todo, serão 200 horas de aula divididas entre módulos básico e técnico. A remuneração para professores é de R$ 14,85 hora/aula, enquanto para monitores é de R$400/mês. De acordo com o edital divulgado, o processo seletivo para os professores contará com análise curricular, em que será avaliada a formação do candidato em até 30 pontos. Já para os monitores, as atividades no currículo contarão até 20 pontos e é necessário estar matriculado em uma instituição de ensino superior. Na 2ª etapa, todos passarão por uma entrevista de caráter classificatório, onde os candidatos serão avaliados em termos de recursos pessoais e interpessoais, éticos, técnicos, tecnológicos, operacionais e gerenciais por meio de exteriorização de comportamentos. Serão considerados os conhecimentos, habilidades e atitudes. O Caravana do Trabalho trata-se de um projeto profissional de oferta de quatro cursos: Assistente Administrativo, Turismo e Hotelaria, Recepção do Cliente e Telemarketing. Não há pré-requisito de escolaridade para o participante, apenas que seja maior de 15 anos. Previsto para ser lançado até o final do mês de Novembro em Queimados, a proposta é democratizar e expandir a qualificação social e profissional nas áreas de difícil acesso, através de modos alternativos, como os itinerantes, de qualificação social e profissional. Os participantes receberão material didático e uniforme gratuitamente e ao final dos cursos serão certificados pela UNIRIO e Ministério do Trabalho. Para o Secretário Municipal de Trabalho, Emprego e Renda, Rafael Coelho, o Foquinha, a chegada de projetos com esse em um município como Queimados é essencial para incentivar os jovens a se qualificarem. “Estamos em uma era que o mercado de trabalho está cada vez mais competitivo e as vagas escassas. Por isso é cada vez mais fundamental para a juventude que eles adquiram seus diferenciais. Dessa vez, a oportunidade é gratuita e reconhecida pelo Governo Federal”, afirmou o gestor. 


7 visualizações0 comentário