São João de Meriti é segunda cidade do Sudeste com mais investimentos na saúde


Município só fica atrás de Guarulhos, entre cidades que mais aumentaram despesas no setor, de acordo com anuário da FNP A reabertura da Upa do Jardim Íris, a reforma de vários postos de saúde e a inauguração do mais moderno Centro de Imagem e Diagnóstico da região já refletem em números positivos para São João de Meriti. De acordo com o 14º anuário Multi Cidades – Finanças dos Municípios do Brasil, da Frente Nacional dos Prefeitos (FNP), entre 40 cidades, São João de Meriti foi a segunda que mais ampliou seus investimentos na área da Saúde na região Sudeste, em 2017, atrás apenas de Guarulhos (SP). O investimento no setor aumentou 16,3%, totalizando R$ 156,1 milhões em 2017. “Esse resultado comprova que a Saúde é prioridade na nossa gestão. Mesmo com o país em crise e com baixa arrecadação, estamos trabalhando incansavelmente para oferecer um atendimento digno à nossa população”, afirma o prefeito meritiense, Dr. João. Na consulta, Guarulhos teve, em 2017, a maior variação (18%), com gastos que totalizaram R$ 1,07 bilhão. Volta Redonda, no terceiro posto, aumentou em 12,6% seu volume de investimentos (R$ 259,8 milhões/2017). Os dados de 2018 ainda serão analisados. Desafios Dr. João lembra que recebeu uma cidade com a Saúde totalmente sucateada, praticamente de portas fechadas e com precariedade no atendimento. Nos seus dois primeiros anos de mandato, a meta foi reconstruir o setor para oferecer uma saúde de qualidade. Para isso, entre outras medidas, aumentou de 47 para 67 o número de equipes de Estratégia de Saúde da Família. Em 2019, o objetivo principal é reabrir o Hospital Infantil João 23 e o Hospital do Morrinho. “São muitos desafios. Mas estamos dispostos a vencê-los. O hospital do Morrinho, por exemplo, não pertencia à Prefeitura, mas tivemos que interditar devido aos riscos que oferecia às nossas gestantes. A unidade está em obras e sua reinauguração é prioridade para este ano”, acrescenta. Fonte de dados O anuário utiliza como base números da Secretaria do Tesouro Nacional (STN) e do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), apresentando uma análise do comportamento dos principais itens da receita e despesa municipais. A publicação levantou, ainda, que o gasto médio com saúde per capita dos municípios, foi de R$ 682,85 em 2017. 


7 visualizações

Quem somos

O Estúdio de Criação  foi criado como micro empreendedorismo Individual - MEI em 2010 número:  12.649.813/0001-96 tendo como diretora executiva a jornalista e radialista Dine Estela que atua neste mercado há mais de 20 anos.  

 

                                                                                         Canal de Notícias

           “MINHA BAIXADA”

Este é um dos canais de divulgação próprios da empresa “Estúdio de Criação -  MINHA BAIXADA” que consiste na produção de um site atualizado diariamente com notícias de toda a Baixada Fluminense. O site conta ainda, com colunistas que falam sobre diversos temas e ainda uma  TV WEB com matérias em vídeo, além da produção de um jornal mensal, formato tablóide estendido (tabloide americano)  com tiragem de 25 mil exemplares e distribuição gratuita em toda Baixada Fluminense e Região Metropolitana do Rio de Janeiro.

Diretora presidente: 

Dine Estela (jornalista responsável)

Diretor Comercial:

Fabrícius Custódio Caravana

(advogado)

Colaboradores:

Claudia Maria (jornalista)

Paula Menezes 

Alex  Soares

Professor Jorge Dahl

Leandro  Batista

Sheila Firmino

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
             SIGA-NOS
Contato
minhabaixada@gmail.com
21970387270 
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now