Magé ganha apoio internacional na construção do plano municipal de conservação da Mata Atlântica


O Plano Municipal de Conservação e Recuperação da Mata Atlântica (PMMA) é um instrumento de planejamento para colaborar na proteção da vegetação nativa. Para dar continuidade na elaboração do plano, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SMMA) apresentou para a sociedade civil, membros do Conselho Municipal e representantes de ONGs os objetivos e benefícios que o PMMA vai trazer para o município.

O plano será custeado pelo governo da Alemanha em parceria com Ministério do Meio Ambiente. Por estar inserido no Mosaico Central Fluminense, composto por várias unidades de conservação que protegem uma área total e importante, o município foi contemplado com a ajuda técnica de uma empresa que está auxiliando os grupos de trabalho.

A elaboração e implementação do documento que reúne todas as normas de proteção, conservação, recuperação e uso sustentável da Mata Atlântica está sendo feito pela Prefeitura de Magé e pelo conselho municipal. A equipe técnica da SMMA finalizou a etapa de organização do projeto apresentando a sociedade civil. Em seguida, os grupos de trabalho vão elaborar os diagnósticos e passar para as fases de elaboração dos planos de ação, redação dos planos municipal e regional e, a aprovação e implementação do plano, que acontecerão de forma sucessiva. A colaboração da população no processo de elaboração é fundamental. “É fundamental que os mageenses participem desse processo, para que o documento não tenha apenas o olhar do poder público e atenda aos anseios da comunidade. Por isso participar desse processo colaborativo é necessário para que o plano seja útil e atenda as demandas do município”, explicou Vanessa Messias, técnica da SMMA. Para participar da elaboração, o mageense deve entrar em contato com a SMMA através do e-mail meioambiente@mage.rj.gov.br, da página criada para divulgação do plano no Facebook (www.facebook.com/magematlantica) ou na sede da Secretaria, que fica na Estrada das Margaridas, s/nº - Santa Dalila. Fotos: Gerson Peres 


9 visualizações0 comentário