Bolsas dos estudantes cotistas do Ensino Superior da Faetec estão garantidas


A Fundação de Apoio à Escola Técnica (Faetec), órgão vinculado à Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), já efetuou o pagamento referente a três meses da bolsa cotista para 700 alunos do Ensino Superior da Rede. O valor mensal do benefício é de meio salário mínimo, o que corresponde a R$ 522,00. Os bolsistas receberão de uma única vez os auxílios correspondentes aos meses de abril, maio e junho. O pagamento estará na conta dos estudantes a partir desta quarta-feira. A bolsa cotista é uma ação afirmativa que visa garantir a frequência dos alunos carentes nas unidades escolares, a partir da cobertura de gastos eventuais com demandas ligadas às atividades educativas, como alimentação, transporte, cópias de matérias de estudo, entre outros. Com a interrupção das atividades acadêmicas presenciais, o repasse foi suspenso por conta do art. 7º, VII, da Portaria Faetec 582/2019. No entanto, com a publicação da lei nº 8905, de 19 de junho de 2020, que proibiu qualquer tipo de interrupção ou suspensão destes pagamentos durante a vigência da situação de emergência decorrente da pandemia de Covid-19, os repasses puderam ser realizados. “Estamos muitos felizes em garantir o benefício dos bolsistas. Desde que esta lei passou a vigorar, a Faetec, junto à Secti e a secretaria de Fazenda, vem trabalhando arduamente para que todos os alunos pudessem ser atendidos o mais rápido possível. Agora, todos os nossos esforços se encontram para o pagamento dos terceirizados”, destaca Maicon Lisboa, presidente interino da Faetec. Para o secretário de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação, Leonardo Rodrigues, o pagamento das bolsas é de fundamental importância para que os alunos possam continuar arcando com eventuais custos durante a pandemia. “Sabemos que muitos estudantes estão passando por dificuldades financeiras, principalmente neste momento. Por meio de um trabalho conjunto, não medimos esforços para que esse recurso saísse o quanto anos. Essas bolsas vieram em boa hora e vão ajudar a desafogar o orçamento de muitas famílias”, completou Rodrigues.

9 visualizações

Quem somos

O Estúdio de Criação  foi criado como micro empreendedorismo Individual - MEI em 2010 número:  12.649.813/0001-96 tendo como diretora executiva a jornalista e radialista Dine Estela que atua neste mercado há mais de 20 anos.  

 

                                                                                         Canal de Notícias

           “MINHA BAIXADA”

Este é um dos canais de divulgação próprios da empresa “Estúdio de Criação -  MINHA BAIXADA” que consiste na produção de um site atualizado diariamente com notícias de toda a Baixada Fluminense. O site conta ainda, com colunistas que falam sobre diversos temas e ainda uma  TV WEB com matérias em vídeo, além da produção de um jornal mensal, formato tablóide estendido (tabloide americano)  com tiragem de 25 mil exemplares e distribuição gratuita em toda Baixada Fluminense e Região Metropolitana do Rio de Janeiro.

Diretora presidente: 

Dine Estela (jornalista responsável)

Diretor Comercial:

Fabrícius Custódio Caravana

(advogado)

Colaboradores:

Claudia Maria (jornalista)

Paula Menezes 

Alex  Soares

Professor Jorge Dahl

Leandro  Batista

Sheila Firmino

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
             SIGA-NOS
Contato
minhabaixada@gmail.com
21970387270 
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now